Abril 13, 2016

Guia de sobrevivência para Dark Souls III

Por Ryan Scott, Editor colaborador

Dark Souls III acabou de ser lançado e é tão deliciosamente desafiante quanto qualquer fã hardcore da série poderia querer. O reino de Lothric é um lugar brutal e imperdoável, e seus muitos horrores podem atingir jogadores despreparados de forma avassaladora. Você terá pela frente muitos obstáculos para superar, não importa a forma que escolha para explorar esse mundo inóspito, então separamos algumas dicas básicas de sobrevivência que irão ajudar você a sacar a maior parte das mecânicas do jogo.

Esquive… muito. Como em todos os jogos da franquia Dark Souls, esquivar (e você faz isso com o botão B) é a mais básica e importante ferramenta de sobrevivência a disposição. Até mesmo bloquear os ataques vai tirar um pouco de sua energia (e também muito de sua estamina), e quando sua vida acabar, não importa a armadura e escudos que estiver usando. Saber quando usar a mecânica de esquiva faz com que você se desvencilhe de ataques inimigos enquanto, simultaneamente, se posiciona para um local tático favorável. Tenha certeza de estar prestando atenção ao peso que está carregando, afinal, quando mais equipamento, menor a distância que irá conseguir rolar durante a esquiva (nem pense em armazenar mais de 70% do peso possível). Vitalidade alta permite carregar mais coisas, mas é melhor equipar somente o necessário, especialmente no começo.

blog-do-xbox-dark-souls-3-01

Dito isso, encontre um bom escudo e o mantenha erguido. Escudos são muito úteis para antever o dano iminente. Cada escudo tem uma porcentagem de valor de resistência para diferentes tipos de dano (físicos, mágicos, fogo, relâmpagos e escuridão), e é particularmente útil equipar um escudo que tem alta defesa a danos físicos. Você pode (e deve) comprar o grande escudo de couro (85% de resistência física) logo no começo do jogo.Você também irá encontrar o escudo da águia prateada (100% de resistência física) na primeira grande área do jogo. Escudos são úteis para bloquear ataques difíceis de se esquivar, como também para lidar com surpresas e emboscadas – e pode acreditar, isso vai acontecer muito.

blog-do-xbox-dark-souls-3-02

Preste atenção na sua estamina. Estamina é o status mais importante do jogo – mais ainda que sua vida, mais ainda que focus (o mana do jogo), mais ainda que o dano causado ou habilidades de resistência. Você precisa de estamina para atacar, bloquear, esquiar e para fazer praticamente tudo que envolve não se tornar um morto-vivo vazio. Lidar com aquela barra verde de estamina deve estar no topo de prioridades o tempo todo; quando estiver lutando contra um inimigo muito difícil e houver uma pausa na ação, tire seu dedo do botão de escudo e deixe sua estamina recarregar.

Tenha um plano conforme você evolue. Fato: sua classe inicial não importa tanto. Classe é só uma coleção de status que podem ser aumentados da forma que você quiser durante o jogo. Sendo assim, escolha evoluir status que casem com seu estilo de jogo. Conforme níveis são ganhos e, consecutivamente, status melhoram, tentem ter um plano em mente. Não distribua pontos aleatoriamente – Dark Souls III não é um jogo onde se pode ser bom em tudo, sendo assim, você precisa escolher alguma categoria para se profissionalizar. Caso queira ser um guerreiro corporal, então força e destreza (essa última é especialmente boa para usar arcos) são seus melhores amigos. Personagens que usam magia certamente precisarão evoluir conhecimento e fé – feitiços funcionam com inteligência e milagres, com fé. Caso você não consiga decidir, coloque muitos pontos em estamina e vigor, que irão conceder funções essenciais seja lá para qual personagem você queira construir.

blog-do-xbox-dark-souls-3-03

Encontre uma arma que você goste, então invista nela e a evolua frequentemente. Você irá encontrar titanite shards quase imediatamente, e essas podem ser trocadas com o ferreiro na cidade inicial do jogo para evoluir suas armas. Não economize – gaste em evoluções o quanto antes, mesmo se você resolver mudar de armas mais afrente no jogo (pode acreditar, você não vai ficar sem fontes de titanite). Armas evoluídas fazem uma diferença dramática no dano causado comparativamente ao status inicial, então não seja acanhado e visite o ferreiro sempre.

Aprenda com seus erros. Dark Souls III não é um jogo que é possível jogar simplesmente apertando botões aleatoriamente. É crucial observar e reagir aos padrões dos ataques dos inimigos e entender suas animações, para então desenvolver táticas de como lidar com aquele inimigo em específico. E não se empolgue também – quando a estamina acabar, pode crer que você irá levar um belo contragolpe. Seja paciente e não seja ganancioso. E não poderíamos enaltecer essa última parte o suficiente: não seja ganancioso. Há um motivo do porque veteranos de Dark Souls tem essa regra no coração e você não vai querer se colocar numa situação onde possa pensar “só mais alguns golpes para acabar com esse chefe!”e daí, rapidamente, um enorme “VOCÊ MORREU” surge e tudo cai por terra. Sempre lute metódicamente, não importa o quão próxima da vitória você (ache) que está.

blog-do-xbox-dark-souls-3-04

Tudo bem pedir por ajuda. Tenha sempre em mãos uma quantidade razoável de braseiros – é esse item que irá permitir você invocar a ajuda de outros jogadores, além de permitir ser invocado para ajudá-los também. É particularmente útil chamar ajuda contra os chefes mais difíceis. Você não precisar encarar essa bucha sozinho!

Talvez isso seja o bastante para iniciá-lo em Dark Souls III – e não se preocupe, você vai aprender muito com os tombos que irá tomar. Dark Souls III já está disponível para Xbox One!

voltar