maio 11, 2016

Alex Boiret, da CD Projekt Red, fala sobre a nova expansão de The Witcher 3

The Witcher III: Wild Hunt não se contenta em ser um dos melhores jogos do ano passado. Não, não mesmo. A expansão, Blood and Wine, prevista para chegar ao Xbox One muito em breve, é tão espetacular e gigante, que o jogo invade 2016 como uma das grandes experiências do ano! O Blog do Xbox comprovou isso de perto jogando cerca de uma hora e meia (!) de Blood and Wine e conversando com Alex Boiret, quest designer dessa expansão espetacular. Se liga aí no bate papo!

leia mais

maio 2, 2016

O ritmo vai te pegar em breve com 140

Por Jeppe Carlsen, Fundador da Jeppe Carlsen Games

Por favor, me permita apresentá-lo a 140, um jogo de plataforma minimalista e baseado em ritmo que vai chegar ao Xbox One muito em breve!

Eu fiz 140 como um projeto paralelo em meus tempos livros enquanto trabalhava como designer de quebra-cabeças na Playdead (desenvolvedores de Limbo e do vindouro Inside). O jogo tem músicas compostas pelo meu amigo e colega Jakob Schmid.

leia mais

abril 20, 2016

[indie da semana] – Steredenn

Por Matthieu Oger e Damien Mayance, co-fundadores do Pixelnest

Nós somos os desenvolvedores por trás do Pixelnest Studio e nosso jogo, Steredenn, chegou recentemente ao Xbox One. Trata-se de um jogo de navinha espacial épico e caótico, com pixels grandes e trilha sonora das mais explosivas! É uma mistura de shmups tradicionais (estão lembrados de Gradius ou R-Type?) e elementos modernos, tipo roguelike, ou geração procedural. É uma aventura infinita no cosmo: Você pilota uma pequena espaçonave, isolada de seu centro de comando, lutando contra intermináveis caras maus. E eles são realmente MUITO maus, nós garantimos.

leia mais

abril 4, 2016

Conheça Fernanda Hartmann, a voz de Beth Wilder em Quantum Break

Por Fernanda Hartmann, atriz e dubladora

Olá! Meu nome é Fernanda Hartmann. Tenho 28 anos, sou atriz desde os 14, dubladora há 2 anos e, embora a gente esteja conversando pela primeira vez aqui no blog, nós já nos conhecemos através de Quantum Break. Muito prazer, eu sou a voz brasileira de Beth Wilder. 🙂

leia mais

março 30, 2016

[indie da semana] – Lovely Planet

Lovely Planet. Quanta dualidade. O nome e o visual dessa obra criada por um só sujeito, o um tanto quanto sádico Vidhvat Madan, causam associações a coisas fofas e bonitinhas. Mas você não tem ideia do que lhe espera em Lovely Planet. Sabemos que é difícil, mas você consegue imaginar um Beautiful Katamari em primeira pessoa e ultra acelerado? É tipo isso.

leia mais